Quarta-feira, 6 de Abril de 2011

SOBRE A BOA-FÉ

Chenoa Grace

 

Eixo Norte-Sul. Entupimento determinado por greves do Metro, ou da C.P. – se os autocarros omitirem serviço público pouca diferença faz no tráfego; caso este, o povo alterna por via de meios outros que no dia prestem serviço. A marcha sai incólume. Ouvi dizer na rádio eleita que o problema dos serventes do Metro é falta de equiparação às prerrogativas dos funcionários públicos que, nem de propósito, não os inclui. Sendo verdade ou mentira, irrita o prolongado calendário grevista que me torce o umbigo pelo que não têm nem são e pela altura escolhida para modificar estatuto profissional.

 

Os senhores empregados nas empresas estatais – pecha a exterminar - reclamam e amocham quem na carteira encafua passes dispendiosos tendo em conta o magro salário depositado à volta de 30 no mês. Ora, se na REFER entendo o escândalo pela ostentação de privilégios e despesismos vários dalguns quadros e dos administradores, no Metro, que saiba, há contenção relativa – estando ludibriada agradeço ser corrigida. Os taxistas aproveitam o furo d’oportunidade e aumentam em 30% a soma das corridas. Uns perdem, outros ganham, regras do jogo no ofertar e procurar. O mexilhão jamais salvaguardado.

 

Idos meses de mais em incertezas nos transportes. Pessoa de boa-fé marca data p’ra viagem sobre carris - pasma quando o serviço de venda de bilhetes online informa que não, que está enganada, que naquele preciso dia comboio sim, não ou talvez. Abóbora! Publicamente declaro-me farta da minha compreensão e benevolência iniciais que o abuso da índole tolerante converteu em patética.

 

CAFÉ DA MANHÃ

 

P’ra acalmar, outra voz portuguesa, desta com origem em Coimbra.

 

 

publicado por Maria Brojo às 07:22
link | Veneno ou Açúcar? | favorito
28 comentários:
De corrector lógico a 6 de Abril de 2011
Pediu? Aqui tem:

Quais autocarros?
Caso este?
Incólume?
Rádio eleita?
Não os inclui?
Torce o umbigo?
Altura escolhida?
Quem na carteira?
Magro salário?
Estando ludibriada agradeço ser corrigida. Nem mais! Quem a ludibriou? Tem que se saber qual foi o ludíbrio, para depois lhe corrigir a trajectória, evitando percursos complexos e ambíguos. Evitando atalhos. Poupando trabalhos.
Quanto aos taxistas, há uma saída. Se só aumentam a soma das corridas... paga-se à parcela. Nem mais!
Quanto ao mexilhão... é para isso que ele existe. Nunca o ouvimos reclamar. Só amocha. E não é funcionário público, nem sindicalizado... No fim de contas, é o mar que o ajuda a sustentar, batendo na rocha. Tivesse ele o tal magro salário... e mandaria o eixo Norte-Sul às urtigas (talvez pedalasse, para recuperar a linha).
Declara-se farta? E o que adianta a sua declaração? Fica feita.
Qual abuso? Da manutenção da informação?
O que é que foi convertido em patética?

Quanto à voz... e o grupo?

PS- Já há umas calendas... um compadre acabou devolvendo o bilhete porque a viagem sobre os carris não lhe diminuia o esforço de andar, antes pelo contrário ;-))
De Maria Brojo a 11 de Abril de 2011
Corrector Lógico - não reúno forças para resposta a tantas perguntas - fim-de-semana delicioso e cheio tem consequências -, mas o seu remate é exemplar. :)
De cao a 6 de Abril de 2011
D. Teresa
Deveria saber:
Em Democracia ( mais ou menos a do mundo ocidental) os sindicatos fazem parte do sistema.
Se os nossos nao funcionam (bem )dever-se-à talvez ao subdesenvolvimento endémico do país.
Tao lesta a mal falar dos sindicatos já agora fale mal p. ex.
da usura e tirania da banca (os famosos mercados da nossa desgraca)
Sabe que comecam a ser centenas as famílias que estao em vias de perder a casa (ou já a perderam).
Porque sabemos ser contra as injusticas (próprias e alheias) porque nao a queremos cumplice (pelo silencio)desta tirania do capital que se apoderou das nossas vidas e da nossa felicidade. Porque sabemos nao querer um sistema de manobras sujas (da banca) com a cumplicidade dos governantes e o delitivo silencio dos principais meios de comunicacao sei (ou penso saber )da sua empinada espinha beira que mais dia menos nos trara informacoes dos ataques que sofrem os nossos direitos sociais e a nossa (sua.) DEMOCRACIA)Intuo (bem?)nao desejar submeter-se ao de uns poucos "dictat"a quem só o mercado (especulacao e lucros)interessa.
Se mais nao fosse ,por querermos deixar aos filhos a prova provada THAT WE DO CARE.
Quanto âs demoras no caótico transito who cares? Nada que um chazinho (daquele delicioso) nao faca esquecer.
Mais; quem defendeu sempre o meu (seu nosso) salário?quem organizou as minhas (suas nossas) greves?
Foi a socrática criatura ,as santanettes, o que gosta de cherne, ou o que nunca se engana ou ainda o das reunioes dos Acores e fugao para a U. E.
Como diria o outro está-me sempre sa desiludir.

YoutubeDigestivo (intragavel para alguns but then again who cares)

Irish Folk Song Joe Hill



Seu do Nilo
De cao do nilo a 6 de Abril de 2011
O Pitt safa-se . Parabens para si e ele.
Mas... mas... . um mestradodozito (nem que fosse desses rapiditos )com a criatura abaixo indicada e digestivo perfeito (para quem ainda aguentar), faria com que o pitto ainda cantasse melhor.

You tube

Bruce Springsteen: THIS LAND IS YOUR LAND



De Maria Brojo a 11 de Abril de 2011
Cão do Nilo - aprendi a lição como se provinda de 'paizinho' empenhado em educar a «filhota». ;)
De -pirata-vermelho- a 6 de Abril de 2011
Requisição civil
e
depois 'oh da guarda'

(a sua história lembra-me a talhe-de-foice, o inútil 'porteiro' que vi, sentado à entrada de um daqueles imensos corredores de pedra do Hosp S. José; tinha o 'técnico'na etiqueta pregado no peito do casaco de ganga azul

_____José Povinho_______
Auxiliar de lavandaria de 3ª

Fiquei a pensar se haveria de 2ª ... e de 1ª )



'Pour un pays de merde un président de merde'
foi o lema da candidatura de um comediante francês à presidência de la République. Não foi eleito
mas
nós, cá, implementámos e fomos mais longe VIVA PURTUGALE- um gouvernement de merde, des Mrs Directeurs Généraux de merde, des Juges de merde des etc de merde, des moi-mêmes de merde.. ALTO! não é bem assim... vamos lá pensar melhor nisto.


Bonjour
De Maria Brojo a 11 de Abril de 2011
Pirata-Vermelho - perfeito. Bem dito e bonjour.
De Perseu a 6 de Abril de 2011
O derrube do execrável regime que castrou os portugueses durante 40 anos,tinha com uma das suas bases o corporativismo,baseado na 'carta de lavoro'inpirada na idealogia fascista de Mossulini.
Assim se manteve este status até Abril de 1974.
Permitiu-se e bem,a criação de sindicatos livres com o propósito da defesa do binário trabalhadores/povo.
Depressa foram apossados e manipulados por partido servo de um regime social fascista.
Pergunto quemsai prejudicado desta selvejaria corporativa/sindical?São as empresas?Não,é todo um povo que com sacrificio pagou antecipadamente o seutransporte.Como é possivel este ciclo de greves anti democraticas,uma vez que durante essas paragens os trabalhadores(!)não recebem?Logo é legitimo concluir que esses individuos usufrem um salário qque lhes permite superar os dias de paragem.
Aliás estas selvagariasdemonstram bem o cariz anti social do contra poder sindical.
Urge uma nova Constituiç~~ao que elimine de vuma vez por todas a carga de um esquerdismo caduco e anti patriòtico.
Como tinha razão o Senhor Coronel Jaime Neves no dia 25 de Novºde1975.
De Maria Brojo a 11 de Abril de 2011
Perseu - o que vai por aí... Gosto mais de si quando frui do sensível.
De -pirata-vermelho- a 6 de Abril de 2011
VOZ? portuguesa?
POSE, apátrida!

Que grande caganita, se não fosse a dor d'ouvidos tinha adormecido.

VOZ é o... veja lá se quer qu'eu lh'encha isto de bonecada do 'tube' com voz
De Maria Brojo a 11 de Abril de 2011
Pirata-Vermelho - encha, encha, encha. Será prazer.
De aespumadosdias a 6 de Abril de 2011
Já são greves a mais. Não há ninguém que faça com que as administrações e os trabalhadores dialoguem e se entendam?
De Maria Brojo a 11 de Abril de 2011
A Espuma dos Dias - ninguém como uma mulher para nos «ii» colocar pintas.
De c a 11 de Abril de 2011
atenção que o 'M' é de masculino (Armando José) ;-))
De Maria Brojo a 11 de Abril de 2011
C. - como? 'Nã' entendi, juro.
De c a 11 de Abril de 2011
respondendo com outra pergunta: então, quem é a mulher (que põe as pintas nos ii)?
De Maria Brojo a 11 de Abril de 2011
C. - uma sonhadora e amante da vida por opção.
De c a 11 de Abril de 2011
parabéns!

retiro o 'M' de cima, que era de masculino, para o restituir à mulher que assim se caracteriza (e bem).

e deixo-lhe boa companhia para afinar (?) essa virtude:

http://hemerotecadigital.cm-lisboa.pt/OBRAS/PONTOSNOSII/1885/N1/N1_master/N1.pdf

http://www.citi.pt/cultura/artes_plasticas/caricatura/bordalo_pinheiro/pontosii.html
De Maria Brojo a 11 de Abril de 2011
C. - obrigada pela chamada de atenção. Levo-a a sério porque gosto de aprender é comigo. Também.
De Cao a 6 de Abril de 2011
Esta vai dedicada aos ingenuos taratas de Abril (a gauche et a droite desde o Neves ao Fittipaldi dos chaimites)e ja agora ao da Madeira (o que dizia que o outro gostava de submersiveis e ao Tiririca ja que com ele pior nao fica...


Ps Eu punha-vos (nos)a todos a cavar batatas com cama mesa e roupa lavada eh eh eh...

E ca vai Youtube

Sacco and Vanzetti- Song by Woody Guthire & David Rovics

P.S. Sabem quantos Kms sao da costa de Marrocos à Europa? Nao ? 15 Kms Inch Allah eh eh eh ....
De Maria Brojo a 11 de Abril de 2011
Cão do Nilo - cavar batatas? Estou nessa: poupo em ginásios e produzo com utilidade. Todavia, não me remeta para Marrocos - os autóctones são beijoqueiros que confundo com moscas.
De Cao do Nilo a 11 de Abril de 2011
D. Teresa que nas nuvens anda:

Os magrebinos é que se remetem para (invadem)a Europa....
De Maria Brojo a 11 de Abril de 2011
Cão do Nilo - em nuvens terrenas me movo. Delas fruo. Permite um «blog-break» que lhe arregale os olhos? _ Provocação simplória. ;)
De cao a 11 de Abril de 2011
Be my guest...
De c a 11 de Abril de 2011
decididamente, somos muitos a engrandecer o País ao contrário e temos um brio extravag(z)ante em saber mais que qualquer outro desde que estejamos de fora: nas cruzadas, no colonialismo, na monarquia, na república, no Estado Novo, na Igreja, no futebol, na política... onde não?

parece que nem os ciganos nos ganham?

deixem-nos trabalhar... (aos outros)

vão estudando a lição... (do gato escaldado)

http://gatoescaldado.livethoughts.net/
De Maria Brojo a 11 de Abril de 2011
C. -se somos! Mostremo-mos então.
De c a 11 de Abril de 2011
claro que a achega ia mais acima (De Cao a 6 de Abril de 2011 às 14:56) mas agora já nem 'o glorioso' alude ao "e pluribus unum" :-(

"Democracy and socialism have nothing in common but one word, equality. But notice the difference: while democracy seeks equality in liberty, socialism seeks equality in restraint and servitude." Alexis de Tocqueville
De c a 11 de Abril de 2011
Eleja ou crie você mesmo as medidas do próximo PEC

http://www.pec5.com/

Comentar post

últ. comentários

Olá Tudo bem?Faço votos JS
Vim aqui só pra comentar que o cara da imagem pare...
Olá Teresa: Fico contente com a tua correção "frei...
jotaeme desculpa a correcção, mas o rei freirático...
Lembrai os filhos do FUHRER, QUE NASCIAM NOS COLEG...
Esta narrativa, de contornos reais ou ficionais, t...
Olá!Como vai?Já passaram uns meses... sem saber de...
continuo a espera de voltar a ler-te
decidi ontem voltar a ser blogger, decidi voltar a...
Autor que não foi possível identificar: Andrew Atr...

Julho 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

pesquisa

links

arquivos

tags

todas as tags

subscrever feeds