Segunda-feira, 17 de Outubro de 2011

PORTUGUESA, EXEMPLAR

Salvador Dali

 

Inscrição simples – documentos banais do candidato e impressos em dose comedida. Seleccionadas diligências pretendidas, a instituição actua: visita de reconhecimento por técnicos especializados, definidos cuidados a prestar. Tomado como exemplo casal idoso, lisboeta, ele acamado, a mulher, oitenta para cima, ainda ligeira apesar dos anos acumulados e dalguns padecimentos. Difícil mover o diabético, amputado, regular a glicemia, cuidá-lo para que feridas não surjam e alastrem. Por menos de vinte euros, a instituição envia regularmente enfermeiras, acompanhadas ou não de médico, e cuidadoras da higiene do doente.

 

Na última visita do pessoal de enfermagem, detectada pele seca e uma borbulha na perna restante. Mereceu atenção que olhos desprevenidos julgariam sem importância. No dia seguinte, uma médica desloca-se ao domicílio, inspecciona o motivo de alarme constante no relatório da enfermeira, medica e recomenda o que fazer; do mesmo modo, anota ser necessária consulta da especialidade. Novo dia, a equipa técnica verifica se o tratamento obteve resultados positivos e regista tensão alterada. Marcada consulta outra sempre ao domicílio. Fraldas e resguardos fornecidos mensalmente em número suficiente para não existirem faltas.

 

Informação repetida ao logo dos dois anos de assistência: _ “Havendo necessidade, basta telefonema a qualquer hora para ter auxílio aqui em casa.” Desde então, os serviços prestados continuam idênticos na eficácia. Nome da instituição: Santa Casa da Misericórdia. Portuguesa, exemplar.

 

CAFÉ DA MANHÃ

 

publicado por Maria Brojo às 13:58
link | Veneno ou Açúcar? | favorito
14 comentários:
De Cão Misericordioso a 17 de Outubro de 2011
A menina pensa que está na Suécia ou quê? Eu não acredito...ou melhor acredito na sua ingenuidade....
E é para todos ? Inscreva-se já pois a bicha deve ser longa...
Quanta à áurea criatura.... um vozão... mas ser origoinal é preciso...
E aqui vai o original.

http://youtu.be/aEtfgfv5iN4
De Maria Brojo a 17 de Outubro de 2011
Cão misericordioso - não se arrede p'ras bandas nórdicas que não é o caso. Custa a acreditar? _ Pior para si que somente no pior dos «tugas» crê.

A despropósito - desmerecer é correcto, demerecer não.
De c a 17 de Outubro de 2011
mas será por haver demérito?
De Cão há só um a 18 de Outubro de 2011
Dou a mão à régua...

Demerecer não existe
Desmerecer- não merecer,indigno de
Demérito-falta de mérito , desmerecimento

segundo o Novo diconário compacto da Língua Portuguesa de António Morais Siva.

Quanto à "Santa" Casa da Misericórdia fundada em 1498 por D. Leonor mulher de D. João II(o meu rei preferido embora goste mais de bolo rei) lamento ter info reliable de amigo que só após "empenhos" e correspondente pagamento à cabeça (presumo por cima e por baixo da mesa) conseguiu acesso (para familiar) a lar da idade terceira propriedade da "Santa".Eu diria( para encerrar) que è Deus no Céu e a "Santa" cá na Terra ( sem esquecer obviamente a Opus Dei e a Maçonaria). E que no nosso Portugal quando a esmola é grande o pobre desconfia....(infelizmente ou se calhar felizmente )

Be good!
De Cão de Rabo (entre as pernas) a 18 de Outubro de 2011
Seria no mínimo de esperar que alguém com 2 dedos de testa - e mais 2 (1 em cada mão, como bons indicadores) - nunca se atrevesse a sujar a reputação alheia sem

1º - objectivos construtivos / boas intenções

2º - provas das alegações / conhecimento dos factos

Sem necessidade de invocar o Deus e a Santa, a Opus e a Maçonaria (costas demasiado largas para que se notem as mossas) poderão sempre ser denunciados casos concretos de qualquer instituição, a fim de corrigir o que possa estar mal (menos bem) e evitar abusos.

Até existe o Livro de Reclamações!

(Ou não passarão tais tretas de simples inglúvias?)
De Cão do Nilo a 19 de Outubro de 2011
On y soit qui mal y pense... Over and out....
De c a 20 de Outubro de 2011
jarreta ;-))

Honni soit qui mal y pense não vem nada a propósito, ou virá? (shame on you)

http://en.wikipedia.org/wiki/Honi_soit_qui_mal_y_pense

http://pt.wikipedia.org/wiki/Ordem_da_Jarreteira
De Anónimo a 20 de Outubro de 2011
Cavaleiro dela (da jarreta) e barão de Montanelas...

Ai mon Dieu este blog na sê porquê põe-me rude...
Enfim mas como só vai em blogs quem na consegue ser Saramago...Olha cá vamos" cantando e rindo"(excerto do hino da Mocidade Portuguesa)....Eu sei eu sei . ... o hino também na tem nada a ver com as calças mas como dizia o oitro "ceci n`est pas une pipe"...
De Cão do Nilo a 20 de Outubro de 2011
O anónimo supra sou. E shame on me pourquoi?
De c a 20 de Outubro de 2011
inda quer quinspilique?

com bravure tentez adivinar you ;-))

Shame shame shame
- hey shame on you -
If you can't dance too
I say shame shame shame
Shame shame shame
Shame shame on you
If you can't dance too

http://www.youtube.com/watch?v=6J9iSpA9QTs
De c a 20 de Outubro de 2011
parece que tãobem põe outras couzas ;-)

e é tal e qual como vai discorrendo... é de agradecer ter feito referência à pipe pois sabe bem recordar e actualizar saberes (afinal havia oitra...)

http://www.armariogeek.com.br/ceci-nest-pas-une-pipe
De Cão agradecido... a 17 de Outubro de 2011
O Cão, comentador anterior, devia falar do que conhece e não do que, felizmente para si, não deve conhecer... Sim, em Portugal temos muita porcaria, temos muitas coisas que não funcionam, temos muitos factores C´s em tudo e mais alguma coisa, mas de uma coisa pode ter a certeza, e não é preciso ir para a Suécia... A Santa Casa da Misericórdia funciona, e BEM, para quem dela precisa.. Não são precisas cunhas para obter os serviços desta instituição. Basta inscrição, paciência para esperar 2 ou 3 meses, não ser mentiroso nem aldrabar nas situações relatadas e que precisam de auxílio externo.. Após visitas credenciadas feitas por técnicos especializados os serviços funcionam e bem, logo que verificada a veracidade dos factos. Bem-hajam pelos serviços prestados!
De c a 18 de Outubro de 2011
já é mais tranquilizante saber que o factor c até existe e produz bons serviços: contacto, competência, conhecimento, capacidade, competitividade, comunicação ;-))

http://aeiou.expresso.pt/bons-empregos-sorte-factor-c-ou-mais-do-que-isso=f566529
De she a 17 de Outubro de 2011
Se não fosse a Igreja e a Santa Casa da Misericórdia, verdadeiras tragédias não seriam dirimidas. Sei de casos de idosos cuja única saída para o total abandono são os Serviços da Santa Casa da Misericórdia. Temos de ser justos- disfunções há em todo o lado (há boas e más pessoas everywhere :), mas tb há boas Almas que se dedicam ao Próximo, dando o seu melhor.
A única circunstância que sempre me chocou foi a construção da nova Catedral em Fátima - tanta gente que poderia ser ajudada com aquelas verbas! Esse seria, com certeza, a Maior Oração a Nossa Senhora, mas enfim!

Comentar post

últ. comentários

Olá Tudo bem?Faço votos JS
Vim aqui só pra comentar que o cara da imagem pare...
Olá Teresa: Fico contente com a tua correção "frei...
jotaeme desculpa a correcção, mas o rei freirático...
Lembrai os filhos do FUHRER, QUE NASCIAM NOS COLEG...
Esta narrativa, de contornos reais ou ficionais, t...
Olá!Como vai?Já passaram uns meses... sem saber de...
continuo a espera de voltar a ler-te
decidi ontem voltar a ser blogger, decidi voltar a...
Autor que não foi possível identificar: Andrew Atr...

Julho 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

pesquisa

links

arquivos

tags

todas as tags

subscrever feeds