Sábado, 11 de Fevereiro de 2012

“AULAS DE SEXO PARA CASADOS”

Anne Bascove

 

Pululam os salões eróticos. Este fim-de-semana, o Porto anima-se com o realizado anualmente. Novidade: “aulas de sexo para casados”. À primeira, pode surgir como risível. À segunda, dá para pensar. À terceira, é para levar a sério conquanto pedagogias género fast não inspirem confiança. Ainda assim, é ideia que não me desagrada. Quantos pares acasalados, caem nas rotinas desestimulantes do quotidiano? Insinuado o tédio, a vertente sexual ressente-se. Ora, a imaginação, o desejo de surpreender o amado sem ou com acrobacias estereotipadas – se o forem e corresponderem a fantasias do casal não vislumbro problema -, acompanhados de tolerância e compreensão, de nadas muitos, compõem a gratificação do conjugar vida a dois.

 

É facto incontestado que nestas exposições eróticas, em vez da maioria de homens sós, entram agora casais em número significativo. O espírito voyeur, quiçá esteja presente e julgo não fugir da realidade, em si não é um mal. Todos, de um modo ou doutro, o possuímos mesmo se aplicado à observação de quem se cruza connosco. E se há curiosidades obsessivas apenas focadas no sexo, sem outras o conhecimento humano restaria primário.

 

CAFÉ DA MANHÃ

 

publicado por Maria Brojo às 11:43
link do post | Veneno ou Açúcar? | favorito
3 comentários:
De Francisco Araujo a 12 de Fevereiro de 2012 às 01:23
Cara Teresa,
mais bom post... e complementado por uma imagem..para lá de significativa. Tudo de bom!
Francisco Araujo (Brasil)
De c a 12 de Fevereiro de 2012 às 11:11
com açúcar e com olfacto... ;-))

http://www.youtube.com/watch?v=KAYiTZTBag8

http://www.youtube.com/watch?v=Zv2g88q4v64

compadre Valentim ajuda sim?

http://www.youtube.co/watch?v=wrGEh_cLYhw
De -pirata-vermelho- a 14 de Fevereiro de 2012 às 21:53
"quantos pares acasalados, caem nas rotinas desestimulantes do quotidiano"?

"pares acasalados, caem nas rotinas desestimulantes do quotidiano [porquê?]"

"pares acasalados, caem [sempre em] rotinas desestimulantes do quotidiano"

"pares acasalados, caem nas rotinas desestimulantes do quotidiano" [por pensarem que estão acasalados no quotidiano]

etc

O problema está no postulado acasalamento 'para o quotidiano', como tod'a gente sabe.

Comentar post

últ. comentários

Lembrai os filhos do FUHRER, QUE NASCIAM NOS COLEG...
Esta narrativa, de contornos reais ou ficionais, t...
Olá!Como vai?Já passaram uns meses... sem saber de...
continuo a espera de voltar a ler-te
decidi ontem voltar a ser blogger, decidi voltar a...
Autor que não foi possível identificar: Andrew Atr...
De férias , para sempre. Fechou a loja... :-(
Curta as férias querida...Beijos
ABANDONODAVID MOURÃO FERREIRAPor teu livre pensame...
Ainda?Isso aí no Inverno é gelado ;-)

Julho 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

pesquisa

links

arquivos

tags

todas as tags

subscrever feeds