Terça-feira, 10 de Julho de 2012

‘NÚMERO DE DUMBAR’

Michele del Campo

 

"Nos anos 90, foi desenvolvida uma teoria antropológica batizada como "Número de Dunbar". Estabelece que o tamanho do neocortex humano - a parte do cérebro usada para o pensamento consciente e a linguagem - limita a capacidade de administrar círculos sociais até 150 amigos, independente do grau de sociabilidade do indivíduo. Foi baseada na observação de agrupamentos sociais em várias sociedades - de vilarejos do neolítico a ambientes de escritório contemporâneos. Segundo Dunbar, a definição de "amigo" é aquela pessoa com a qual outra se preocupa e com quem mantém contato pelo menos uma vez por ano. Ao questionar se o "efeito Facebook" teria aumentado o tamanho dos círculos sociais, percebeu que não.

_ "É interessante ver que uma pessoa pode ter 1,5 mil amigos, mas quando olhado o tráfego nesses sites, percebe que aquela pessoa mantém o mesmo círculo íntimo de cerca de 150 pessoas que observamos no mundo real" (…) As pessoas orgulham-se de ter centenas de amigos, mas a verdade é que os seus círculos são iguais aos dos outros."

 

Foram analisadas trezentas mil pessoas de todos os continentes.  "O efeito não é isolado em adultos mais velhos. Os relacionamentos fornecem um nível de proteção a todas as idades", afirmou Timothy Smith, outro pesquisador que participou do estudo. Smith alerta que a tecnologia pode levar algumas pessoas a pensarem que redes sociais face a face já não são necessárias. "Como humanos, encaramos os relacionamentos como algo garantido, somos como peixes que não notam a água. A interação constante não é apenas um benefício psicológico, mas influencia diretamente a nossa saúde física."

 

Uma pesquisa da Universidade Brigham Young, nos Estados Unidos, sugere que ter uma boa rede de amigos e vizinhos pode aumentar a sobrevivência humana em 50%. Para os pesquisadores americanos, ter poucos amigos pode ser tão prejudicial à sobrevivência de uma pessoa como fumar 15 cigarros por dia ou ser alcoólatra. Acreditam que tomar conta de outras pessoas nos leva a cuidar melhor de nós mesmos. Perder o apoio social pode diminuir ainda mais a probabilidade de sobrevivência do que a obesidade ou sedentarismo.”

 

Nota – fonte que não foi possível, neste momento, identificar.

 

CAFÉ DA MANHÃ

 

publicado por Maria Brojo às 09:59
link do post | favorito
Comentar:

CorretorEmoji

Notificações de respostas serão enviadas por e-mail.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

últ. comentários

Esta narrativa, de contornos reais ou ficionais, t...
Olá!Como vai?Já passaram uns meses... sem saber de...
continuo a espera de voltar a ler-te
decidi ontem voltar a ser blogger, decidi voltar a...
Autor que não foi possível identificar: Andrew Atr...
De férias , para sempre. Fechou a loja... :-(
Curta as férias querida...Beijos
ABANDONODAVID MOURÃO FERREIRAPor teu livre pensame...
Ainda?Isso aí no Inverno é gelado ;-)
Como a Noite é Longa!Como a noite é longa! Toda a ...

Julho 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

pesquisa

links

arquivos

tags

todas as tags

subscrever feeds