Segunda-feira, 26 de Abril de 2010

ONDE SÃO FALADAS PEÚGAS E 'BOLICAOS'

Keith Garv

 

Há trinta e seis anos, passajavam-se. Hoje, vão direitas paro o lixo comum por não serem embalagem, nem papel, nem vidro. São compradas em pares múltiplos, descartáveis como luvas de látex. Peúgas rotas, ainda que buraco pouco, seguem para o caixote dos desperdícios e outras saem da gaveta.  

 

Há trinta e seis anos, sapatos com sola moída iam a remendo no sapateiro. Para evitar a despesa, colocados «protectores» metálicos que lhes prolongassem utilidade. Novos somente dois ou três pares por ano se estafados os anteriores e segundo o ciclo das estações. Hoje, adquirem-se sapatos como enfeites postos de lado mal a moda normaliza outros gostos/padrões

 

Há trinta e seis anos, mudando o peso corporal, volvia à costureira a roupa para apertar ou alargar – costuras largas na confecção preveniam alterações futuras do corpo, herança para irmãos mais novos ou para quem viesse a aproveitar o que não servia. Era o tempo do homem levar fato coçado ao alfaiate para trocar o lado exposto do tecido. De qualquer mulher saber fazer bainhas e casear. Hoje, basta tédio ocasional para mergulho no comprar como pílula da felicidade.

 

Há trinta e seis anos, não acabava o mês sem alguma poupança familiar à custa de parcimónia. Os livros escolares passavam do filho mais velho para o benjamim. Forrados com papel não se estragasse a capa. Industriadas as crianças para deles cuidarem.

 

Há trinta e seis anos, ganhava o planeta: muita energia economizada pelo hábito de ir a pé ou no transporte público e de conservar bens; pela alimentação saudável _ na lancheira da criançada, pão com manteiga ou fatia de queijo. Por inventar os bolicaos.

 

Passados trinta e seis anos, desfeita a euforia do desejo-quero-tenho, o porta-moedas furado dos cidadãos, o aumento das doenças cardiovasculares e outras que a sociedade fast e fútil tem acrescido obrigam a repensar hábitos. De novo, procurado o sapateiro e a costureira. Negar bens supérfluos tem, a cada dia, mais adeptos. Em vez de automóvel, palmilhar distância ou ultrapassá-la nos confortáveis meios públicos.

 

Passados trinta e seis anos em liberdade, começamos a saber usá-la. Ganha o planeta, ganham os portugueses.

 

CAFÉ DA MANHÃ

 

publicado por Maria Brojo às 10:51
link | Veneno ou Açúcar? | favorito
8 comentários:
De -pirata-vermelho- a 26 de Abril de 2010
Uma interessante reflexão acerca da sequela que pelos vistos recompõe, não é?
De Maria Brojo a 27 de Abril de 2010
Pirata-Vermelho - onde se tenta constatar o sabido: na história, é cíclico rodarem os ponteiros ao contrário.
De marta a 26 de Abril de 2010
Há quarenta anos já havia uma mulher, no mínimo, refilona, que deitava as peúgas foram para desgosto da 'ex' sogra, que lhe dera um 'ovo' para tal efeito
risos
De António a 26 de Abril de 2010
mai nada!


De Maria Brojo a 27 de Abril de 2010
Marta - «ganda» Mulher!
De Ana a 27 de Abril de 2010
Porque ... um dia vou descobrir o planeta que tem todos os pares de meia que faltam lá em casa.
De Maria Brojo a 27 de Abril de 2010
Ana - descobri, ao fim de longo tempo, que as peúgas fugidas desembocam no esgoto. "Reparador de esquentadores, fogões, máquinas e de tudo o que em casa avaria" 'dixiti'. Antes crença inútil que mistério desaustinado.
De aumento del seno a 28 de Abril de 2010
Parabéns pelo seu blog, muito emocionante!

Comentar post

últ. comentários

Olá. Posso falar consigo sobre a sua tia Irmã Mar...
Olá Tudo bem?Faço votos JS
Vim aqui só pra comentar que o cara da imagem pare...
Olá Teresa: Fico contente com a tua correção "frei...
jotaeme desculpa a correcção, mas o rei freirático...
Lembrai os filhos do FUHRER, QUE NASCIAM NOS COLEG...
Esta narrativa, de contornos reais ou ficionais, t...
Olá!Como vai?Já passaram uns meses... sem saber de...
continuo a espera de voltar a ler-te
decidi ontem voltar a ser blogger, decidi voltar a...

Julho 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

pesquisa

links

arquivos

tags

todas as tags

subscrever feeds