Quinta-feira, 12 de Agosto de 2010

ATÉ MIRTILOS!

Jim Warren e autor que não foi possível identificar

 

Petróleo Verde. Alentejano. Na Área de Regadio do Alqueva já cresce milho, cultura impensável no antes reserva hídrica. Destinado à produção de bioetanol, contribuirá, enquanto biocombustível, para cumprir directivas comunitárias. “ Portugal terá de incorporar como aditivo na gasolina e no gasóleo utilizados nos transportes públicos 5,75 por cento de biocombustíveis (bioetanol ou biodiesel). No caso do bioetanol, a opção pelo milho como matéria-prima principal para a produção de 100 milhões de litros/ano deste combustível vai obrigar à produção de 250 mil toneladas por ano deste cereal.” No total, 15 mil hectares de plantações de milho na área de influência da grande barragem do Sul.

 

O potencial energético não se esgota no milho: cereais de sequeiro, beterraba, desperdícios florestais. Fossem limpas as manchas de floresta quer pelo Estado, quer pelos particulares, menor seria o pasto que as chamas devoram, diminuído o número de vítimas mortais, maior rendimento nacional e quantidade de combustíveis amigos do ambiente.

 

Na agricultura alentejana, a revolução vai além – melão branco e verde, meloas. Até mirtilos que regozijam urologistas na peleja contra infecções urinárias! A boa rede viária escoa, rapidamente, os produtos até à mesa do consumidor. Em 2013, dúzia de anos mais cedo que o pensado, fica completa toda a obra. Somente os lanços de Vidigueira e Pisão, Baixo Alentejo ocupam onze mil hectares. Quem predisse a inutilidade do Alqueva emudeça de vez.

 

CAFÉ DA MANHÃ

publicado por Maria Brojo às 08:37
link | favorito
De perseu a 12 de Agosto de 2010
Contraditório pleno Teresa!

Desde que foi descoiberta a fição nuclerar,o problema da energia ilimitada resolveu-se.
Claro que os papões são muitos,os medos e o comercial,ainda mais.
O difici(!)será o esgotamento da materia residual.
Tambem o foi,quando o crude começou a ser refinado.
Que fica hoje do crude refinado? Nada,tudo é aproveitado e reciclado.
De Maria Brojo a 13 de Agosto de 2010
Perseu - o que para aí vai! Caríssimo, ainda estamos na era dos desperdícios do crude e do nuclear que afligem o planeta. Energia nuclear limpa e aprovada pelo 'teste do algodão' talvez um dia. Para já, ficção.
De perseu a 13 de Agosto de 2010
Meu deuses!
Terei blasfemado?
Apelo para Miverva,para Euclides,para Talles,para Pítagoras,apelo para ti Arquimedes,apelo pa ti Albert.

Eles são devotos da energia a partir dos repolhos e das hortaliças.
De Veneno C. a 13 de Agosto de 2010
Tudo indica - Eles estão moribundos (http://www.youtube.com/watch?v=BLmNVOXOkXA&feature=player_embedded)
Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

últ. comentários

Olá Tudo bem?Faço votos JS
Vim aqui só pra comentar que o cara da imagem pare...
Olá Teresa: Fico contente com a tua correção "frei...
jotaeme desculpa a correcção, mas o rei freirático...
Lembrai os filhos do FUHRER, QUE NASCIAM NOS COLEG...
Esta narrativa, de contornos reais ou ficionais, t...
Olá!Como vai?Já passaram uns meses... sem saber de...
continuo a espera de voltar a ler-te
decidi ontem voltar a ser blogger, decidi voltar a...
Autor que não foi possível identificar: Andrew Atr...

Julho 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

pesquisa

links

arquivos

tags

todas as tags

subscrever feeds