Domingo, 31 de Outubro de 2010

VENCER OU MORRER

Yossi Rosenstein, Juan Medina

 

  

 

28 de Outubro. 19 horas. Local: Museu Militar. Razão: lançamento do último livro de Mendo Castro Henriques, “Vencer ou Morrer”. Ficção histórica reportada às Guerras Peninsulares. O primeiro duma trilogia que promete e embevece quem, como eu, já desflorou com emoção as primeiras páginas da obra. Romance épico, discurso entre o queirosiano e o camiliano. Interromper a leitura por obrigações várias soube-me mal – o desejo é não interromper a cadência das palavras, delas a substância, do enredo que fala duma Lisboa e dum povo (o nosso) perante a ambição napoleónica e mais provindas doutras estranjas.

 

O acontecimento foi digno sem «luxoriquices» de tigela-meia. Na sala vetusta, em simultâneo grandiosa, Virgílio Castelo apresentou com brilho o que ali nos levava. O estimado Mendo, na simplicidade que lhe é própria, desenredou o percurso seguido até a investigação e as palavras e as páginas se ajuntarem dando corpo ao livro que, ou me engana a intuição, ou será êxito livreiro. Após satisfeita a fila imensa na espera do escrito na página segunda, os notáveis presentes – e se eram muitos -, anónimos e amigos reuniram-se num Porto de Honra sem arrebiques, dialogante e afável.

 

Nem parece sugestão vinda de mulher que abomina centros comerciais, mas arrisco: para hoje, adquirir o Vencer ou Morrer e fruir da leitura enquanto chuva e vento são, no exterior, deliciosa banda sonora. E lembro do filme Green Baret a marcha militar que, em alternativa, reúne condições para forrar paredes íntimas: _ “Saltar, combater / P'ra vencer ou p'ra morrer (…)  Em atenção, vamos atacar, / Preparar para saltar. / Cantando assim, / Lutaremos até ao fim."

 

CAFÉ DA MANHÃ

 

publicado por Maria Brojo às 10:50
link | Veneno ou Açúcar? | favorito
17 comentários:
De Veneno C. a 31 de Outubro de 2010
Longe de aderir a tais causas, mesmo quando propostas pela 'mulher que abomina centros comerciais' (abertos todo o domingo?) vou-me com as dúvidas do 'Mendes' e do 'Baret', ficando tudo (quase) como dantes.
De Anónimo a 31 de Outubro de 2010
Como hoje é o dia da pou(ca)pança, vai uma receita, com os devidos tampões para os... tímpa-nos

Assunto: O relógio na INBICTA

RELÓGIO

José mostra orgulhosamente o seu novo apartamento a um amigo, após um jantar bem regado.
Quando chegam à sala, o amigo repara numa enorme tampa de panela pendurada numa parede e pergunta:
- O que é aquilo?
José responde:
- É o meu relógio!
- E como funciona? - pergunta o amigo.

José pega num martelo e arregaça uma pancada enorme no gongo.

De repente, ouve-se do outro lado da parede:
- BAI PRÓ CARALHO, GRANDESSÍSSIMO FILHO DA PUTA. SÃO DUAS HORAS DA MANHÃ!!!!!!
- Bês... num falha, carago!

Bom domingo e... nada de marteladas! ;-)





De -pirata-vermelho- a 1 de Novembro de 2010
Não abomina nada...
só aprendeu a dizer que abomina por pensar que não é trendy ou griffé ou uma coisa dessas qu'ela também diz.
(o verbo é dela ou seu?)
De Veneno C. a 1 de Novembro de 2010
Se verbo é texto, o comentário não é dela ;-)
De -pirata-vermelho- a 1 de Novembro de 2010
o verbo 'abominar' é dela, sim senhor
De Veneno C. a 1 de Novembro de 2010
É certo que ela tem muitos só dela (patenteados?) mas esse é nosso. Ela usou-o. Depois, foi citada no comentário. Claro qb.

De Maria Brojo a 6 de Novembro de 2010
Pirata-Vermelho - se abomino, estamos conversados.
De Maria Brojo a 6 de Novembro de 2010
Veneno C. - quer crer que perdi os comentários anteriores? Só eu!
De Veneno C. a 7 de Novembro de 2010
Não terá perdido... terá 'passado por cima' do Mendes e do Baret??

Só pode... :-(
De Maria Brojo a 6 de Novembro de 2010
Veneno C. - olhe que há mudança e da boa...
De Veneno C. a 7 de Novembro de 2010
P'ra quemgosta, naturalmente...
De perseu a 31 de Outubro de 2010
Curiosamente 'Vencer ou morrer' foi e é algo que me tem acompahado na vida.
A sua crónica despertou o meu interesee para a leitura deste livro.
Felicito-a pelo video escolhido.
De Maria Brojo a 6 de Novembro de 2010
Perseu - leia que será um prazer seu e de quem o mesmo fizer
De -pirata-vermelho- a 31 de Outubro de 2010
A ser, seria 'beret'
mas
cá é 'boina' e, se não fosse a actual leviandade e desprezo por qualquer referência, não teria idorepescar um filmezeco mal documentado e mal desempenhado tendo aoseu dispor a memória dos 'nossos' que ninguem considera.

Tome lá
http://www.youtube.com/watch?v=5S6pWabGPyI
só para referência, qu'eu não sou d'homenagens póstumas nem d'heróis mortos
mas
lembre-se, pense, que nem tudo é net-vivência fictícia ou plástico d'hollywood
De Maria Brojo a 6 de Novembro de 2010
Pirata-Vermelho - bem reparado. Estava a pedi-las, eu, claro!
De -pirata-vermelho- a 31 de Outubro de 2010
(não teria VOCÊ ido repescar etc etc, digo)
De tiago a 1 de Novembro de 2010
dinheiro fácil ! http://www.onbux.com/?r=Maced0

Comentar post

últ. comentários

Olá. Posso falar consigo sobre a sua tia Irmã Mar...
Olá Tudo bem?Faço votos JS
Vim aqui só pra comentar que o cara da imagem pare...
Olá Teresa: Fico contente com a tua correção "frei...
jotaeme desculpa a correcção, mas o rei freirático...
Lembrai os filhos do FUHRER, QUE NASCIAM NOS COLEG...
Esta narrativa, de contornos reais ou ficionais, t...
Olá!Como vai?Já passaram uns meses... sem saber de...
continuo a espera de voltar a ler-te
decidi ontem voltar a ser blogger, decidi voltar a...

Julho 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

pesquisa

links

arquivos

tags

todas as tags

subscrever feeds