Segunda-feira, 13 de Abril de 2015

DIAS E DIAS

Claude Théberge .jpg

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Claude Théberge

 

 

“Há Dias assim, as nuvens da manhã lan­çam lágri­mas aos olhos, e mais tarde aque­ces o corpo na varanda. As melo­dias soam longe, como se de outro mundo fos­sem, e são, mara­vi­lho­sa­mente aber­tas de um azul pro­fundo como o mar mais solto.

 

 

 

Há dias que o teu amor é só memó­ria, é só tempo, sem ser agora, mas dias em que tudo se esconde sobre a som­bra da luz da tarde, o ar que cheira a maçãs ver­des, a água parada e o tojo queimado.

 

 

 

Há dias assim, mas não são todos, entre os tron­cos lisos dos chou­pos, o mar lá atrás sor­rindo em ondas bran­cas de barba, as revo­lu­ções esque­ci­das, desinteressadamente.

 

 

 

Há dias que não exis­tem por­que são cópias de outros pas­sa­dos, os mes­mos ges­tos, o mesmo tocar, o amor repe­tido como se fosse cas­sete de música — põe lá outra vez.

 

 

 

Há dias assim que só exis­tem uma vez e nunca mais. Dias de um calor sufo­cante sobre a cidade silen­ci­osa e coberta de uma luz ver­ti­cal, dou­rada, branca, o medi­ter­râ­neo per­dido na poeira levantada.

 

 

 

Há dias que ante­ci­pam outros dias, e dias que subs­ti­tuem outros dias, mais velhos, expe­ri­en­tes do olhar do tempo, soli­tá­rios e supe­ri­o­res por terem já sido.

 

 

 

Há dias que “se me con­ta­res toda a tua dor eu nunca mais irei sorrir”.* (…)”

 

 

Nota – Texto de Bernardo Vaz Pinto aqui.

 

 

CAFÉ DA MANHà

 

 

 

publicado por Maria Brojo às 10:25
link | favorito
Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

últ. comentários

Olá Tudo bem?Faço votos JS
Vim aqui só pra comentar que o cara da imagem pare...
Olá Teresa: Fico contente com a tua correção "frei...
jotaeme desculpa a correcção, mas o rei freirático...
Lembrai os filhos do FUHRER, QUE NASCIAM NOS COLEG...
Esta narrativa, de contornos reais ou ficionais, t...
Olá!Como vai?Já passaram uns meses... sem saber de...
continuo a espera de voltar a ler-te
decidi ontem voltar a ser blogger, decidi voltar a...
Autor que não foi possível identificar: Andrew Atr...

Julho 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

pesquisa

links

arquivos

tags

todas as tags

subscrever feeds