Segunda-feira, 6 de Abril de 2015

JÁ SEM FOLHOS NO VESTIDO

Yang Ge.jpg

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Yang Ge

 

 

Segurava-me pelos folhos do vestido. Os olhos da bisavó Maria Augusta eram azuis, o cabelo branco enrolado ao alto. A pele tinha-a branca. Macia. As rugas, de tão finas, mal se viam. Envolta em névoa, vejo-a por detalhes. Como a luz que irradiava. Real ou inventada pela curiosa pequenita de caracóis presos num laço que eu era. Como todas as crianças que crescem rodeadas de ternura e nada temem do vislumbrado para lá da janela recolhida por espessas paredes de granito. Por isso segurava a bisneta pelos folhos do vestido, não ousasse ela arroubo intempestivo perante a vastidão do mundo que a janela prometia.

 

 

 

Nada saberia da mulher em que a pequenita de dois anos se tornaria. Intrépida. Curiosa. Os pés fincados em afetos. O olhar preso às extremas do horizonte. E queria. E buscava. Assente, todavia, no protegido tapete da ternura. Sólido. Inquestionável. Como o futuro. Cedo abandonado. Trocado por presente de valores e responsabilidade. O amanhã? Sim, e depois? Se ainda hoje não adormeci...

 

 

 

A ausência de amanhã fez de cada dia uma urgência. Exigente. Com ela, primeiro. Pelo exercício da dádiva como aprendera em família e caracterizava o clã. Restrito. Pela ambicionada perfeição diária. Que não conseguia. E enchia de culpas um saco que atrás de si arrastava. Até (...)

 

 

Nota – Texto integral aqui

 

 

 

CAFÉ DA MANHÃ

 

 

 

publicado por Maria Brojo às 09:51
link do post | favorito
Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Recomendo:

Exposição de Artes Plásticas - Conceito

Page copy protected against web site content infringement by Copyscape

últ. comentários

Lembrai os filhos do FUHRER, QUE NASCIAM NOS COLEG...
Esta narrativa, de contornos reais ou ficionais, t...
Olá!Como vai?Já passaram uns meses... sem saber de...
continuo a espera de voltar a ler-te
decidi ontem voltar a ser blogger, decidi voltar a...
Autor que não foi possível identificar: Andrew Atr...
De férias , para sempre. Fechou a loja... :-(
Curta as férias querida...Beijos
ABANDONODAVID MOURÃO FERREIRAPor teu livre pensame...
Ainda?Isso aí no Inverno é gelado ;-)

Julho 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

pesquisa

links

arquivos

tags

todas as tags

subscrever feeds