Domingo, 29 de Dezembro de 2013

À VOLTA DO ESPICHEL

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

CAFÉ DA MANHÃ

 

publicado por Maria Brojo às 09:00
link | Veneno ou Açúcar? | favorito
Sexta-feira, 3 de Setembro de 2010

REDACÇÃO «MINORCA» E VADIA

 

Antonnela Cinelli

 

O conveniente. O ditado pelo senso de enfeitar a imagem que cada um preza reflectir. O puído pelo socialmente correcto mutante e igual – os ditames vigiam. Assunto estafado. Hábito narcísico pelos escravos que o servem ou por quem menospreza a subtileza que o traveste e se crava até em espíritos impiedosos nas análises para dentro feitas – coitados pobres, como eu, julgam chibatá-lo quando auto-flagelação é forma outra de o servir. Mais há: especulação orientada para comportamento tão malquisto. Autores: quem acaricia permanente disponibilidade no julgamento das catacumbas alheias. Conversa mole, repetitiva, esta! Que a vigilância não permita continuá-la.

 

Mas continua. Neste estio ainda em pé, após leituras e reflexões com olhos nas videiras ou cegonhas ou buxo regado ou nos anúncios de Setembro, a mulher sem pintura e pés enfiados em chanatas, nada por baixo e pouco em cima, em si dá conta do que não quer. No caderno mental, substituto menor do de merceeiro, começa pelos sins. É mais fácil. Quer amar sempre, quer momentos de solidão que exaltem tratos íntimos e mútuos, quer mais encantos além dos que alimenta, quer por eles e neles rir e sofrer. Venham ilusões!

 _ Aqui me têm para as filtrar e, a algumas, alegremente, aceder.

Três «ás» seguidos, é obra! Redacção «minorca» é isto mesmo.

 

Não quer ficar bafienta, absorvida pelos gozos caseiros, pela entrega insana à profissão, esquecer o mar com chuva que não vê há trindade de anos, renunciar a espectáculos (marés-cheias para a alma) a troco de reles preguiça, ler de menos pela escrita a mais, afadigar-se com nadas que não passam de distracções do essencial – vida boa e simples de acordo com a matriz. Não quer amornar, não quer o conforto de algumas rotinas maltrapilhas, não quer descrer, não quer.

 

Se conseguir duas ou três renúncias, é progresso. Mais é abuso químico, dito hormonal, que soe desembocar em eufóricos amores de Verão. E quem não os viveu e lembra com brilhozinho nos olhos do tempo em que foram? A miolada nesta redacção vadia fede a promessas de ano novo longe no calendário e que é quando à mulher apetece ou tem se ser. 2011 começa hoje.

 

CAFÉ DA MANHÃ

 

O primeiro vídeo é cortesia do Açúcar C..

 

publicado por Maria Brojo às 08:29
link | Veneno ou Açúcar? | ver comentários (29) | favorito

últ. comentários

Olá Tudo bem?Faço votos JS
Vim aqui só pra comentar que o cara da imagem pare...
Olá Teresa: Fico contente com a tua correção "frei...
jotaeme desculpa a correcção, mas o rei freirático...
Lembrai os filhos do FUHRER, QUE NASCIAM NOS COLEG...
Esta narrativa, de contornos reais ou ficionais, t...
Olá!Como vai?Já passaram uns meses... sem saber de...
continuo a espera de voltar a ler-te
decidi ontem voltar a ser blogger, decidi voltar a...
Autor que não foi possível identificar: Andrew Atr...

Julho 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

pesquisa

links

arquivos

tags

todas as tags

subscrever feeds