Quinta-feira, 10 de Março de 2011

AOS 47 E UM DIA

Autor que não foi possível identificar

 

Por um dia, Juliette Binoche falhou nascer no Dia Internacional Da Mulher. A mãe, adivinhasse diva do cinema francês a bebé que transportava no ventre,  há quarenta e sete anos devia ter antecipado o nascimento. Mas de tal não se lembrou e no dia nove de Março, a criança chegou perfeita e a tempo. Herdeira de caldo de culturas: pela mãe sangue polaco nas veias, por vias outras ascendência marroquina, flamenga, brasileira e francesa. A sopa genética podia ter resultado infeliz, mas não – cresceu repartida em família desconjuntada, colégio interno, infeliz pelos afectos distantes, porém com talento dramático de sobra.

 

Lembro-a na Insustentável Leveza do Ser baseado no livro de Milan Kundera, no Bleu, primeiro da trilogia das cores de Krzysztof Kiélowski, no Paciente Inglês sob a pena do escritor Michael Ondaatje e em Chocolate com o nome do livro da Joanne Harris. Estes filmes revejo, os livros releio, a Binoche não esqueço em qualquer destes desempenhos notáveis. Mais dela não vi, primeiro no escuro do cinema, depois na penumbra caseira.

 

Mulher linda, doce na imagem, discreta, bom gosto nas escolhas dos filmes e realizadores constantes na carreira. Juliette Binoche tem o je ne sais quoi que estabelece diferença gigante.

 

Nota: lamento não me ser possível responder aos comentários, conquanto leia e visite as sugestões de todos. Sexta e sábado, mãos na obra.

 

CAFÉ DA MANHÃ

 

publicado por Maria Brojo às 07:03
link | Veneno ou Açúcar? | ver comentários (6) | favorito

últ. comentários

Olá Tudo bem?Faço votos JS
Vim aqui só pra comentar que o cara da imagem pare...
Olá Teresa: Fico contente com a tua correção "frei...
jotaeme desculpa a correcção, mas o rei freirático...
Lembrai os filhos do FUHRER, QUE NASCIAM NOS COLEG...
Esta narrativa, de contornos reais ou ficionais, t...
Olá!Como vai?Já passaram uns meses... sem saber de...
continuo a espera de voltar a ler-te
decidi ontem voltar a ser blogger, decidi voltar a...
Autor que não foi possível identificar: Andrew Atr...

Julho 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

pesquisa

links

arquivos

tags

todas as tags

subscrever feeds