Domingo, 2 de Agosto de 2009

MANGA DE ALPACA E PASTÉIS

 

Beryl Cook

 

“Tantos gordos, filha!”, diz a mãe em cada regresso a Lisboa. E a filha nem os via se o espanto recorrente não a interpelasse. Deu por ela a observá-los. Amesendados. Esperava Porto para um, pastéis para dois. Meia dúzia para levar. Lascas de folhado salpicando as mesas. O chão. Sacudidas do regaço, espanejadas com a mão. Cerveja e cafés e natas com canela e açúcar em pó. Famílias de três gerações mastigando, dizendo “Ui, estão quentes!”, engolindo o primeiro, o segundo e o que a cerimónia deixou no prato.

 

Funcionário aborrecido, ar triste, antipático. Míope – a espessura das lentes, aumentada pelos muitos anos, tornava luziratos as pupilas. Manga de alpaca obrigado a bandeja na mão. Gasto o entusiasmo que, há muitos anos o levara a ganhar o pré servindo no lugar/emblema. Sala, outra sala, uma mais ainda. Na última, azulejos e abat-jours recortados por azuis. Aparador D. Filipe ornado com máquina registadora. Outros como ele, todavia menos ronceiros, debitando contas no aparador. Exalavam fadiga fosse nos gestos ou no olhar.

 

Pastéis de Belém. Uma das poucas empresas nacionais exemplar na paridade do sexo dos funcionários, nos salários e nas regalias sem género. Por isso, exemplo. Não pelo entusiasmo posto à mesa de quem chega. Compensado pelos clientes em festim de doçura.

 

Nota - em tempo útil resonderei  aos estimaos comentadores.

 

CAFÉ DA MANHÃ
 

Adivinha – a quem assenta a descrição que segue? Mais difícil: a quem se refere?

 

Retrato de um homem que gosta muito de si próprio:

"Acha que é a última Coca-Cola no deserto. Gosta de se fazer importante e diz que jogou golfe com Bill Clinton, quando esteve apenas duas vezes no mesmo campo que ele. Mas transformou isso num encontro internacional."

publicado por Maria Brojo às 15:18
link | Veneno ou Açúcar? | ver comentários (9) | favorito

últ. comentários

Olá Tudo bem?Faço votos JS
Vim aqui só pra comentar que o cara da imagem pare...
Olá Teresa: Fico contente com a tua correção "frei...
jotaeme desculpa a correcção, mas o rei freirático...
Lembrai os filhos do FUHRER, QUE NASCIAM NOS COLEG...
Esta narrativa, de contornos reais ou ficionais, t...
Olá!Como vai?Já passaram uns meses... sem saber de...
continuo a espera de voltar a ler-te
decidi ontem voltar a ser blogger, decidi voltar a...
Autor que não foi possível identificar: Andrew Atr...

Julho 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

pesquisa

links

arquivos

tags

todas as tags

subscrever feeds