Domingo, 1 de Março de 2015

MISTÉRIO E MAGIA EM SINTRA

ng3978542.jpg

ng3920885.jpg

ng3978564.jpg

ng3920887.jpg

ng3920889.jpg

ng3920890.jpg

ng3920891.jpg

ng3920892.jpg

ng3920893.jpg

ng3920894.jpg

ng3920896.jpg

ng3920897.jpg

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

“Quinta da Regaleira, o palácio misterioso e mágico” foi o título escolhido pelo fotógrafo canadiano Taylor Moore, após uma visita a Sintra. «A Quinta da Regaleira é um lugar mágico, fascinante e misterioso».

 

Construída por António Augusto Carvalho Monteiro, em conjunto com o arquiteto italiano Luigi Manini, «conseguiram criar um lugar de magia e mistério divino, com uma combinação de estilos, incluindo românico, gótico, renascentista e manuelino».

 

 

Num artigo publicado no portal BoredPanda, o fotógrafo Taylor Moore acrescenta: «com cavernas subterrâneas, lagos, torres e jardins intermináveis este lugar é incrível para fotografar tanto de dia como durante a noite».

 

 

CAFÉ DA MANHÃ

 

 

 

 

publicado por Maria Brojo às 08:00
link do post | Veneno ou Açúcar? | favorito
Segunda-feira, 18 de Novembro de 2013

ESOTERISMO EM PESSOA E MAÇONARIA

 

 

Ari Roussimoff, pintor e cineasta

 

A ‘Grande Alface’ anoitecida. Vívida para alguns que da luz natural finda esperam o melhor (cinquenta, não mais). Vinte anos de polícia científico – um "CSI, Crime Scene Investigation" do melhor. “Esoterismo em Pessoa e Maçonaria”, o mote. José Manuel Anes locutor e interlocutor. A acrescentar doutoramento em “Antropologia das Religiões.” Nos primórdios do currículo, licenciado em Química. Como, e sinto-me elevada pela coincidência, esta rabiscadora menor. Caminhos distintos. Notáveis, os dele. Apaixonados os de ambos. Anónimos os meus.

 

Antes, houvera repasto como cumpre em tertúlia digna do nome. Uma sopa ‘abensonhada’ por sílabas, couve e feijão. Depois, a escolha entre prato de substância e filetes de ocasião. Da sobremesa não soube nem quis saber – o relento acolheu vício satisfeito entre a dos Estados Unidos e a Avenida de Roma. No entremeio, falados cães Serra da Estrela que dois hectares e meio acolhem em Palmela. A provocação foi minha: “Se não vieram do canil que sei, desconfio da pureza dos genes. Às tantas, tem psicopatas canídeos pelo múltiplo cruzamento dos genes como soe a quem ignora amor aos bichos e persegue lucro.” Que não, que eram fiáveis, conquanto não tivessem B.I.. Calei e entrei.

 

“Para negar Deus é preciso percorrer o caminho de Satã” ou, do Pessoa, o “Caminho da Serpente.” Jorge de Sena dele faria escrito: coleção de evocações esotéricas. Hino à liberdade e à lucidez. Na irregularidade do caminho pessoano, a afinidade à Maçonaria, (...)

 

Nota: publicado na íntegra aqui.

 

CAFÉ DA MANHÃ

 

publicado por Maria Brojo às 09:01
link do post | Veneno ou Açúcar? | favorito

últ. comentários

Lembrai os filhos do FUHRER, QUE NASCIAM NOS COLEG...
Esta narrativa, de contornos reais ou ficionais, t...
Olá!Como vai?Já passaram uns meses... sem saber de...
continuo a espera de voltar a ler-te
decidi ontem voltar a ser blogger, decidi voltar a...
Autor que não foi possível identificar: Andrew Atr...
De férias , para sempre. Fechou a loja... :-(
Curta as férias querida...Beijos
ABANDONODAVID MOURÃO FERREIRAPor teu livre pensame...
Ainda?Isso aí no Inverno é gelado ;-)

Julho 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

pesquisa

links

arquivos

tags

todas as tags

subscrever feeds