Quinta-feira, 30 de Maio de 2013

PERFILHADOS HÁ 25 ANOS

 

Autor que não foi possível identificar e Sally Davies

 

É notícia o número redondo que consubstancia a filiação deste canto/limite atlântico na Europa Unida. Mãe rica aos olhos portugueses da época tornava apetecível a adoção. Os eurocéticos existiam mas submeteram-se aos milhões entrados no Estado. Nove milhões de euros por dia alegraram a vida lusa entre 1986 e 2011. A saúde, a educação, cursos destinados a elevar as habilitações dum povo beneficiaram dos euros injetados pela mãe adotiva. Ao todo, construídas ligações rodoviárias que bem podiam unir Lisboa a Nova Deli. É obra!

 

A atávica falha de Portugal em governantes lúcidos e com visão que mais longe enxergasse do que a «partidarice» e o poder conferido a qualquer custo do interesse público nas eleições traiu o desenvolvimento sustentado de Portugal. Dum modo ou doutro, muitos figurões se aboletaram com o maná caído dos céus europeus. Ao cidadão honesto foi instilado pelos bancos e seus derivados o pensar que o saudável hábito da poupança não trazia felicidade que se visse no bem-estar imediato. “Chapa ganha, chapa gasta”, novo lema. Inúmeras gentes caíram na esparrela, encheram com os juros das dívidas contraídas as bocarras arreganhadas das instituições bancárias. E chegámos ao que chegámos: pobretanas ou miseráveis intervalados por emergentes que, à sorrelfa, mamaram parte substantiva do leite da mãe Europa. Na maioria, sem punição.

 

Um Estado “sem rei nem roque” foi e é Portugal.

 

Nota: para mais saber do relatório “25 Anos de Portugal Europeu”, ligação ao DN de hoje.

 

CAFÉ DA MANHÃ

 

Aconselho a visionar:

 

publicado por Maria Brojo às 09:26
link | Veneno ou Açúcar? | favorito

últ. comentários

Olá Tudo bem?Faço votos JS
Vim aqui só pra comentar que o cara da imagem pare...
Olá Teresa: Fico contente com a tua correção "frei...
jotaeme desculpa a correcção, mas o rei freirático...
Lembrai os filhos do FUHRER, QUE NASCIAM NOS COLEG...
Esta narrativa, de contornos reais ou ficionais, t...
Olá!Como vai?Já passaram uns meses... sem saber de...
continuo a espera de voltar a ler-te
decidi ontem voltar a ser blogger, decidi voltar a...
Autor que não foi possível identificar: Andrew Atr...

Julho 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

pesquisa

links

arquivos

tags

todas as tags

subscrever feeds