Quinta-feira, 21 de Novembro de 2013

QUANDO SE ESFUMA GLÓRIA NO RELVADO

 

Bjorn Richter

 

Como substituir a onda de felicidade vivida após conquista significativa no futebol? Outro motivo neste país de calças caídas pela míngua e subordinado a tirania exterior, num olhar de relance, não é fácil de encontrar. Enumerar desgraças, todos fazemos quotidianamente. A tristeza que faz olhares mortiços, gestos desesperançados é comum. Mas atentemos nas novidades boas que surgem em Portugal: instituições científicas e/ou tecnológicas reconhecidas por esse mundo fora, premiada com mais estrelas Michelin a nossa gastronomia como ontem aconteceu, o prestígio internacional nas artes desenvolvidas aqui, o mérito dos nossos investigadores e especialistas que na «estranja» dão provas de excelência. Por fim, a resistência dos cidadãos perante anos difíceis. A capacidade de sofrer com dignidade. E para aqueles cujo sentido da vida foi esfumado, a luta na batalha pela subsistência travada no dia-a-dia.

 

 Se não encontramos razões para confiar nos governantes, confiemos nas individuais. Eu confio.

 

“Uma vez numa lua azul”

 

O quarto está vazio

as luzes estão turvas

e maravilhas o meu coração

se eu nunca mais irei vê-lo novamente

 

Minhas lágrimas estão com fome

para uma porta aberta

e os seus braços me seguraram

Eu nunca me senti assim antes

 

E eu estarei esperando

e eu vou estar assistindo

sob uma lua azul

 

Gosto do céu

só acontece

uma vez numa lua azul

 

Você lembra-se

quando o vento soprava livre?

Nós encaixávamos

tão naturalmente

 

Se o vento fecha a porta

ele vai abrir outra

Uma vez numa lua azul

 

CAFÉ DA MANHà

 

  

publicado por Maria Brojo às 07:31
link | Veneno ou Açúcar? | favorito

últ. comentários

Olá Tudo bem?Faço votos JS
Vim aqui só pra comentar que o cara da imagem pare...
Olá Teresa: Fico contente com a tua correção "frei...
jotaeme desculpa a correcção, mas o rei freirático...
Lembrai os filhos do FUHRER, QUE NASCIAM NOS COLEG...
Esta narrativa, de contornos reais ou ficionais, t...
Olá!Como vai?Já passaram uns meses... sem saber de...
continuo a espera de voltar a ler-te
decidi ontem voltar a ser blogger, decidi voltar a...
Autor que não foi possível identificar: Andrew Atr...

Julho 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

pesquisa

links

arquivos

tags

todas as tags

subscrever feeds