Quarta-feira, 19 de Maio de 2010

SIM ÷ NÃO = NIM

Eric Zener

 

O Presidente excluiu de atitude sensata veto ao diploma que passa a regular o casamento homossexual. Alegou balbúrdia, ruído na sociedade, notícias que distraíssem os portugueses das recentes verdades azedas. Com o ‘sopas talvez’ presidencial, gajinha como eu, fica indecisa:

_ Defende o povo, ou defende-se ele?

 

Vá a cidadã entender o porquê, até que nem era assim antes de Cavaco: confiança inerente ao comandante supremo dos regimentos militares e sociais. Adiantar condicionamento pelo laranja vigente é ocioso: entre rosa e setas, a diferença in factum não é por aí além. Valores outros se interpõem: constrangimentos, desde cedo, enraizados no espírito. Laivos de ‘pré-conceitos’ por abater? _ Possibilidade, uma. Há mais.

 

E a mulher, livre de «nins» intercalados na matriz – tudo ou nada como princípio e fim da helicóide –, odeia o recomendado por manual oposto às convicções. Se Cavaco aprovou o que reprova, atrevo julgamento arrogante, contrário à pequenez que me reconheço: não maiúsculo decisório impunha-se. Resposta única. Independente dos ratings e pressões que não exclusivas da consciência.

 

Quão pequeno e engoma-trapos vai Portugal!

 

CAFÉ DA MANHÃ

 

publicado por Maria Brojo às 07:07
link | Veneno ou Açúcar? | ver comentários (4) | favorito

últ. comentários

Olá Tudo bem?Faço votos JS
Vim aqui só pra comentar que o cara da imagem pare...
Olá Teresa: Fico contente com a tua correção "frei...
jotaeme desculpa a correcção, mas o rei freirático...
Lembrai os filhos do FUHRER, QUE NASCIAM NOS COLEG...
Esta narrativa, de contornos reais ou ficionais, t...
Olá!Como vai?Já passaram uns meses... sem saber de...
continuo a espera de voltar a ler-te
decidi ontem voltar a ser blogger, decidi voltar a...
Autor que não foi possível identificar: Andrew Atr...

Julho 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

pesquisa

links

arquivos

tags

todas as tags

subscrever feeds