Quarta-feira, 6 de Julho de 2011

DE LEIRIA AOS “STATES”

Zamknij Okno, Eric Drooker, autor que não foi possível identificar

 

Não bastava o bastante, ou à conta disso mesmo, o estádio Magalhães Pessoa de Leiria, um dos (mal) utilizados no Campeonato Europeu de Futebol em 2004, será vendido em fatias: relvado por tanto, estacionamento por tanto diferente, bancadas por tanto outro. Mais parece tratar-se de um salame de chocolate que inteiro é indigesto. Acho bem! Num país com bolsos rotos, a solução fácil é vender o que resta e aboleta, quantas vezes, funcionários a mais, administradores chupistas e instituições ociosas. Tal como no estádio Magalhães Pessoa, só a manutenção desbarata o que não temos: dinheiro. Não é à toa que, a partir de hoje, somos lixo para a agência «ratona» Moody’s.

 

Os Estados Unidos, também ensarilhados com a dívida nacional que não pára de crescer como o pé de feijão da história dos irmãos Grimm, já engendram poupanças. Exemplo é o Empire State Building que utilizará energia eólica, após no ano passado ter estabelecido reduzir até 2013 o consumo de energia eléctrica em 38%. A reforma inclui sistemas de ar condicionado, aquecimento e substituição das janelas, de modo a aproveitar melhor a iluminação natural. Investimento vultuoso, mas extremamente sensato a médio e longo prazo – ganha o planeta, poupam eles. Antes tarde do que nunca esta mudança no pensar americano.

 

Nos “States”, furou as contas o deslocamento do Pólo Magnético da Terra. Então não é que foge cerca de 64Km por ano na direcção da Rússia? Abandonou o extremo norte de Canadá e decidiu avançar. Volúvel, heim? Se para a maioria das gentes o facto nada diz, o mesmo não acontece com o aeroporto de Tampa, na Florida obrigado a mudar a orientação das pistas, ainda que, a bem da paz, não para Meca.  

 

CAFÉ DA MANHÃ

 

publicado por Maria Brojo às 08:10
link do post | Veneno ou Açúcar? | ver comentários (8) | favorito
Segunda-feira, 28 de Junho de 2010

TRAPOS E PEÚGAS ROTAS

Richard Wallich e Zamknij Okno

 

Das alterações introduzidas nas sociedades pelas ciências conhecemos os efeitos. Alguns dramáticos que a história mundial da morte regista: as bombas atómicas lançadas em Hiroshima e Nagasaki, a pesquisa pseudocientífica durante o Holocausto Nazi, o napalm para sempre associado à Guerra do Vietname.

 

A investigação que permitiu à humanidade colocar homens na Lua e aumentar saberes sobre o cosmos mudaria para sempre o quotidiano do nosso tempo - novas fibras, ligas metálicas, comunicação à distância, satélites, robótica e automação, mais e mais com cabimento e sem caberem aqui.

 

Jabulani (‘celebração’ em zulu) anda nos pés e nas bocas neste Mundial. «Redonda» polémica, rápida, imprevisível se chutada com força e, por isso, atingindo velocidades superiores a 75 km.h-1. Putativamente culpada dos parcos golos na fase primeira do torneio de futebol que o ‘sete a zero’ de Portugal frente à Coreia do Norte desmentiu. A NASA e o IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas) estudaram-na. Submeteram-na a testes múltiplos e ao túnel do vento. Pelos 14 painéis fundidos entre eles, adquiriu sulcos aerodinâmicos. Ao deslocar-se com alta velocidade, o ar próximo da superfície de bola gera fluxos assimétricos responsáveis por forças laterais que podem resultar em súbitas mudanças da trajectória. Por outro lado, altitudes elevadas nalguns dos estádios/palcos onde a Jabulani se desloca impõem menor pressão atmosférica e densidade do ar. Reage como o esperado: maior rapidez para pontapé inferior.

 

Tanta tecnologia, tantas críticas, tanta pesquisa quando craque que é craque soma golos nem que seja com bola feita de trapos e recheada com peúgas rotas.

 

CAFÉ DA MANHÃ

 

publicado por Maria Brojo às 09:02
link do post | Veneno ou Açúcar? | ver comentários (11) | favorito
Recomendo:

Exposição de Artes Plásticas - Conceito

Page copy protected against web site content infringement by Copyscape

últ. comentários

Lembrai os filhos do FUHRER, QUE NASCIAM NOS COLEG...
Esta narrativa, de contornos reais ou ficionais, t...
Olá!Como vai?Já passaram uns meses... sem saber de...
continuo a espera de voltar a ler-te
decidi ontem voltar a ser blogger, decidi voltar a...
Autor que não foi possível identificar: Andrew Atr...
De férias , para sempre. Fechou a loja... :-(
Curta as férias querida...Beijos
ABANDONODAVID MOURÃO FERREIRAPor teu livre pensame...
Ainda?Isso aí no Inverno é gelado ;-)

Julho 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

pesquisa

links

arquivos

tags

todas as tags

subscrever feeds